Connect with us

CAJAZEIRAS E REGIÃO

Condomínio no São Rafael recebe a campanha Hemoba em Casa

Published

on

Foto: Camila Souza/GOVBA

A campanha ‘Hemoba em Casa’ estará, nesta terça-feira (14), no residencial Horto São Rafael, localizado na Avenida São Rafael, em Salvador, para uma ação de coleta de sangue entre os moradores do condomínio. O atendimento aos interessados em realizar doação de sangue e cadastro de medula óssea acontece até a sexta-feira (16), sempre das 8h30 ás 16h.

A ação, idealizada pela Fundação Hemoba para elevar o estoque da Hemorrede Pública, que registra queda durante a pandemia da Covid-19, começou em maio e já atendeu cerca de 500 voluntários à doação, totalizando 354 bolsas de sangue coletadas em três condomínios da cidade.

“Temos avaliado diversas estratégias seguras para suprir as demandas transfusionais nesse momento de pandemia. Recebemos os pedidos de coleta e agendamos a visita técnica para avaliar se o espaço disponível atende aos critérios sanitários, só então montamos toda a estrutura para a coleta de sangue. Cerca de doze profissionais são envolvidos nesse processo. É importante que, além de um espaço apropriado, o condomínio tenha, pelo menos, 500 moradores com idade adequada para a doação”, pontua o diretor-geral da Hemoba, Fernando Araújo.

Fernando explica que, para garantir a segurança aos doadores, os atendimentos nas unidades de coleta da Hemoba estão sendo agendados. “Nossa equipe está seguindo os protocolos contra a Covid-19, emitidos pelo Ministério da Saúde, e estamos realizando a doação com hora marcada em toda a Bahia. No entanto, quem for a uma das unidades de coleta sem agendar um horário também será atendido, por ordem de chegada”.

Para agendar um horário para fazer a doação, o voluntário pode preencher um formulário no site da Hemoba, enviar um e-mail para horamarcada@hemoba.ba.gov.br ou ligar diretamente para uma das 24 unidades de coleta no estado. Em Salvador, o número é o (71) 3116-5643.

Os requisitos básicos para doar sangue são: estar saudável, ter peso acima de 50 kg, apresentar documento com foto válido em todo o território nacional e idade entre 16 e 69 anos – antes de completar 18 anos, é necessário estar acompanhado dos pais ou responsáveis e, se acima de 60 anos, é recomendado que o doador do grupo de risco para a Covid-19 permaneça em casa.

Ascom da Hemoba

Faça um comentário

Publicidade:

Advertisement

politica

Cajazeiras e Região

error: Copyright © - Grupo Fala Cajazeiras ®