Connect with us
 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ação municipal orienta lojistas para atendimento a crianças em situação de risco

Published

on

Fotos: Otávio Santos/Secom

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) prossegue com a apresentação da cartilha “Fluxo de Atendimento a crianças e adolescentes nos shoppings centers e centros comerciais”, nos estabelecimentos de Salvador. A ação mais recente foi realizada com lojistas do Shopping da Bahia, na última sexta-feira (20).

Cerca de 35 profissionais participaram da iniciativa e mais de 290 lojas receberam orientações de como seus colaboradores devem se portar diante do atendimento de uma criança em situação de vulnerabilidade social. A cartilha contém seis tipos de vivências de ocorrências nos centros comerciais recebidas pelo CMDCA, sendo as principais o abandono de crianças e adolescentes, crianças desacompanhadas dos responsáveis e em situação de trabalho ou exploração infantil.

“A ação é de prevenção. Nossa intenção é orientá-los sobre como proceder através de uma vivência. Selamos aqui esse fortalecimento, principalmente pelo fato de esses lojistas já estarem na linha de frente dos atendimentos nos shoppings”, disse a presidente do CMDCA, Tatiane Paixão.

Parcerias – O supervisor de atendimento de uma rede de parque de diversões do Shopping da Bahia, Fábio Santos, destacou a importância da iniciativa. Para ele, é de extrema necessidade a parceria entre o setor privado e os órgãos públicos.

“Aqui em nosso estabelecimento recebemos inúmeras crianças, algumas delas em situação de rua ou em algum tipo de situação de vulnerabilidade e, muitas das vezes, nós, enquanto funcionários, não sabemos como agir diante de tais situações. Então, essa cartilha vem para nos direcionar o que fazer diante de tantas situações vividas”.

Além do Shopping da Bahia, a cartilha já foi apresentada aos lojistas do Salvador Shopping e Salvador Norte Shopping. A ação se estenderá para outros centros comerciais da capital baiana.

Além do CMDCA, a publicação conta com o apoio do Ministério Público da Bahia (MP-BA), Defensoria Pública do Estado (DPE-BA) e Conselho Tutelar, além das secretarias municipais de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), da Saúde (SMS) e da Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre).

Faça um comentário

O maior Portal de Notícias e Entretenimento de Cajazeiras e região. O que você gostaria de saber "A gente mostra todo mundo vê"

Advertisement