Connect with us

CAJAZEIRAS E REGIÃO

Prefeito faz abertura do ano letivo na Pré-Escola de Cajazeiras VIII

Published

on

Um misto de alegria e ansiedade era a expressão estampada nos rosto dos pequenos alunos da Creche e Pré-Escola Primeiro Passo de Cajazeiras VIII. A unidade escolar foi palco da aula inaugural do ano letivo na rede municipal de ensino, ocorrida nesta quarta-feira (6) e que contou com as presenças do prefeito ACM Neto e do vice, Bruno Reis; do secretário Bruno Barral (Educação); da diretora da creche, Mércia Cristina Machado; da comunidade escolar e imprensa. A ocasião também marcou a entrega de uma série de itens que compõem os materiais a serem distribuídos nas 434 escolas municipais – tudo isso para que a rede tenha uma “Educação Nota 10”, tema de 2019.

O prefeito ressaltou que é muito importante começar o primeiro dia do ano letivo de 2019 garantindo a agenda regular e no mesmo período em que estão sendo iniciadas as aulas nas escolas particulares. “Também iniciar as atividades, de maneira plena e completa, com entrega às crianças de todo o fardamento novo, material escolar, material didático e assegurando merenda de qualidade, assim como aos professores material de orientação em sala de aula. Enfim, este ano letivo é iniciado com muito entusiasmo. A expectativa é muito boa de continuar melhorando a qualidade da educação e garantindo que toda a rede tenha o mesmo padrão de qualidade de ensino”, completou ACM Neto.

Em discurso, o secretário Bruno Barral destacou uma garantia dada pelo próprio prefeito: a manutenção da oferta de ensino em tempo integral para crianças de 2 e 3 anos, o que permite que os pais possam trabalhar tranquilamente, tendo onde deixar os filhos com segurança. “A educação feita aqui é para os alunos e para a família também”, disse. Além disso, Barral pediu empenho a todos os alunos e professores do 9º ano para a Prova Brasil, a ser realizada este ano.

Mãe de Ágatha Vitória, de 4 anos, a eletricista residencial Taiane Barreto, de 21 anos, espera que a filha consiga ter um bom desempenho na creche. “Ela é uma menina muito inteligente e espero que ela tenha um aprendizado excelente. Todos aqui falam que a creche é muito boa, tanto que a vaga eu consegui em lista de espera”, relatou. Taiane ainda falou sobre a reação de Ágatha para ir pela primeira vez para a aula. “Ela acordou às seis da manhã, com o sapato e a roupa na mão, dizendo: ‘mamãe, papai, quero ir para a escola’”, riu.

Itens – Dentre os itens entregues para as unidades de ensino está 307.106 fardas para os alunos da Educação Infantil até a Educação de Jovens e Adultos (EJA), com investimento de aproximadamente R$3,2 milhões. Também estão sendo distribuídos 129.428 kits escolares adquiridos para todos os segmentos, com investimento de R$3 milhões. Os kits são compostos por materiais escolares de uso pessoal do aluno, diferenciados por níveis de ensino e respeitando as necessidades de cada fase do desenvolvimento cognitivo.

Os alunos do 5º e 9º anos do Ensino Fundamental vão ter livros de apoio à preparação para a Avaliação Nacional da Educação Básica – Aprova Brasil, nas disciplinas Língua Portuguesa e Matemática. O material pedagógico também segue os referenciais e o nível educacional (Educação Infantil e Ensino Fundamental I e II) e engloba itens como Diário da Família, Agenda da Creche e livros com temas tradicionais como Língua Portuguesa e Matemática, e temas próprios como Soteropolitanidade e (Particip)Ação Cidadã.

Serão distribuídos 14 mil exemplares do livro de literatura infantil “O maior tesouro da terra. Uma superaventura com Jorginho Amado”. Inspiradas no grande escritor Jorge Amado, as aventuras de Jorginho, além de conscientizarem as crianças sobre os relevantes temas propostos, resgatam a obra do escritor baiano, apresentando-o de maneira lúdica ao público infantil.

Os alunos do EJA vão utilizar materiais produzidos pelo Ministério da Educação (MEC) para o segmento Educação de Jovens e Adultos (EJA). São compostos por caderno metodológico para o professor e a coleção Caderno de EJA: Cultura e Trabalho; Diversidades e Trabalho; Juventude e Trabalho; Meio Ambiente e Trabalho; Qualidade de Vida, Consumo e Trabalho; Segurança e Saúde no Trabalho.

Com 5.771 exemplares, o Diário de Classe vai auxiliar o professor de registro de frequência e de desempenho dos alunos de cada turma. O acompanhamento da vida escolar fornece ao professor e à escola subsídios para a tomada de decisões de modo a favorecer os processos de ensino e de aprendizagem.

Em parceria com a Defesa Civil de Salvador (Codesal), o projeto Defesa Civil nas Escolas consiste em realizar oficinas e treinamento para professores e alunos, com foco em educação ambiental (percepção de risco) defesa civil, controle de zoonoses e primeiros socorros. O objetivo é formar a cultura de defesa civil tendo professores e alunos como multiplicadores nas comunidades.

Por fim, a lista contempla uma ferramenta tecnológica: o aplicativo Educação Salvador. O intuito é de facilitar a vida dos servidores, professores e colaboradores da instituição. O app disponibiliza alguns serviços na palma da mão, como o andamento de processos, o local exato das escolas municipais, as notícias sobre tudo o que envolve a comunidade escolar, calendário escolar, entre outras informações.

Balanço e calendário – Atualmente, a capital conta com um total de 434 escolas, com capacidade para 162 mil alunos. Até o momento, 140 mil estudantes foram matriculados. Ao todo, serão 200 dias de aula até 20 de dezembro. Entre os dias 28 de fevereiro e 10 de março, haverá um recesso para o Carnaval, com retorno no dia 11 de março.

Faça um comentário

O maior Portal de Notícias e Entretenimento de Cajazeiras e região. O que você gostaria de saber "A gente mostra todo mundo vê"

Publicidade:

Advertisement

politica

Cajazeiras e Região