Connect with us

SAÚDE

Campanha de vacinação contra gripe começa nesta quarta-feira (10)

Começa nesta quarta (10) em Salvador a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. Todas as unidades de saúde da rede básica estarão ofertando as doses do imunobiológico de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 17h.

O lançamento oficial da campanha acontecerá nesta quarta no Centro de Saúde Ramiro de Azevedo, no Campo da Pólvora (em frente ao Fórum Ruy Barbosa), a partir das 9h30, com a presença do secretário municipal de Saúde, Luiz Galvão, e da subcoordenadora de Doenças Imunopreveníveis, Doiane Lemos.

Nessa primeira etapa da estratégia, a vacina estará disponível exclusivamente para crianças (de 6 meses a menores de 6 anos) e gestantes. A partir de 22 de abril, os demais grupos prioritários – cerca de 750 mil pessoas entre idosos (a partir de 60 anos), puérperas (mulheres que ganharam bebê nos últimos 45 dias), trabalhadores de saúde do serviço público e privado, jovens de 12 a 21 anos de sob medidas socioeducativas, professores, além de portadores de doenças crônicas que não são transmissíveis e outras condições clínicas especiais – também serão contemplados.

A meta é imunizar pelo menos 90% do público alvo na estratégia que segue até 31 de maio. “Aconselhamos que os grupos que devem receber a vacina procurem o mais rápido possível um dos postos de saúde para evitar transtornos”, aconselhou Luiz Galvão.

 

Faça um comentário

O maior Portal de Notícias e Entretenimento de Cajazeiras e região. O que você gostaria de saber "A gente mostra todo mundo vê"

CAJAZEIRAS E REGIÃO

Posto de Coleta do HEMOBA em Cajazeiras busca por doadores

O Posto tem capacidade de coletar 120 bolsas de sangue por dia além de realizar o cadastro de doadores de medula óssea. Atualmente, o posto tem recebido poucos doadores, são coletadas em média de 10 a 12 bolsas por dia, abaixo do esperado.

Para doar é preciso ter em mãos um documento de identificação com foto, como documento de identidade ou carteira de habilitação. o SAC de Cajazeiras fica localizado na Fazenda Grande III Rua Estrada do Coqueiro Grande, a unidade funciona de segunda a sexta-feira, das 11h às 15h30. a doação não pode ser agendada.

Para ser doador de sangue é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 quilos e estar bem de saúde. Doadores com menos de 18 anos devem estar acompanhados pelo responsável legal.

A doação não é recomendada a pessoas que tiveram diagnóstico de hepatite depois dos 10 anos de idade, mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

Faça um comentário
Continue Reading

SAÚDE

Nutricionista ensina como se deliciar na Semana Santa sem sustos

As comidas e bebidas da Semana Santa aguçam os paladares. Peixe, frutos do mar, feijão de leite, caruru, vatapá, arroz de leite, feijão fradinho, frigideira de bacalhau, vinho e chocolate compõem as mesas soteropolitanas, simbolizando a morte e ressurreição de Cristo, entre a Sexta-feira da Paixão e o domingo de Páscoa. Consumi-los, no entanto, exige cuidado, diante do excesso de gordura e da possibilidade de mal-estar ou indigestão.

Para evitar problemas com a saúde, a nutricionista Ana Kelly Amaral, responsável técnica pelo campo de alimentação e nutrição da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dá dicas para uma ingestão mais saudável. A primeira delas é em relação à escolha do peixe e ao modo de preparo. “O ideal é optar por aqueles que têm melhor composição de gorduras boas e menor contaminação por mercúrio, como sardinha, tilápia, merluza, pescada amarela e peixe-panga”, diz.

Segundo a nutricionista, os peixes brancos, atum e sardinha tem um bom teor de ômega 3, ácidos graxos benéficos à saúde cardiovascular e cerebral. Na hora de escolher, é bom observar se o local da compra é de confiança e a qualidade do peixe, por meio de detalhes como a cor, o cheiro e a textura.

Durante o preparo, o recomendável é evitar fritar o peixe, porque a fritura oxida o ômega 3 e anula os benefícios. O azeite de dendê pode ser utilizado em menor quantidade ou pode ser substituído pelo azeite de oliva, que contém menos gordura saturada.

Quando o assunto é chocolate, a dica é dar preferência aos que têm a partir de 70% de cacau na composição. O cacau possui flavonoides, substância com ação antioxidante, anti-inflamatória e que auxilia no controle da pressão arterial. A quantidade recomendada é de até 20 gramas por dia.

Riscos – Os alimentos gordurosos e com muito açúcar, além de provocar excesso de peso e as gordurinhas localizadas, deixam o metabolismo mais lento, provocando sintomas como fadiga, má digestão e enxaqueca. Aos alérgicos, é bom ficar atento aos frutos do mar, considerados vilões, por causa da composição proteica. E para aqueles que abusam do álcool, é bom tomar cuidado com o teor alcoólico do vinho que, em excesso, pode causar intoxicação e até coma alcoólico.

Em caso de urgência e emergência, o cidadão pode procurar uma das nove Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs), nos bairros de Paripe, Valéria, Pirajá/Jardim Santo Inácio, Brotas, Barris, San Martin, Itapuã, Parque São Cristóvão e Periperi. Além disso, a SMS dispõe de cinco Pronto-Atendimentos (PAs) localizados em Pau Miúdo, Pernambués, Marback/Imbuí, São Marcos e Tancredo Neves. O SAMU 192 e a emergência do Hospital Municipal, em Boca da Mata, também estarão em pleno funcionamento durante o feriadão da Semana Santa.

Faça um comentário
Continue Reading

SAÚDE

Pesquisa revela aumento de fraturas em idosos que fazem atividade física

Por: Henrique Oliveira

Ter uma vida ativa após os 60 é uma realidade cada vez mais comum entre os idosos. Mas como tudo tem um preço, com a chamada longevidade, não é diferente. Apesar de ser considerada um presente, ela está cercada de alguns efeitos colaterais.

Uma pesquisa divulgada mês passado apontou um aumento nos casos de fraturas em idosos, que acredite, realizavam atividades, aparentemente inofensivas, como passear com o cão, por exemplo. 78% dos pacientes com fraturas eram mulheres. Entre as lesões mais graves, as no quadril tiveram um crescimento expressivo e representaram 17% do número total de casos. O estudo foi realizado entre os anos de 2004 e 2017 e foi publicado na JAMA Surgery, importante revista norte-americana sobre medicina.

Segundo IBGE, a população idosa no Brasil cresceu 18%, nos últimos cinco anos o que, também, demonstra um aumento da expectativa de vida. Chegar a melhor idade deixou de ser um desafio, difícil, mesmo, é encontrar o meio termo entre a boa forma e o risco de se lesionar, quando se tem um corpo mais frágil. “Uma simples caminhada, apesar dos benefícios, pode representar um risco para o idoso. Por isso é importante escolher terrenos planos e realizar as caminhadas em horários com máxima iluminação. É importante, também, o uso de calçados confortáveis e antiderrapantes, além de manter exames oftalmológicos em dia”, explica ortopedista, Rafael Gonçalves.

Foto Divulgação

O exercício físico é essencial para a a população da melhor idade, mas todo cuidado é pouco para se evitar fraturas, que podem ser agravadas em função da idade. Rafael explica, que ““as lesões mais comuns na terceira idade, são as fraturas dos punhos, região superior dos braços, fraturas do fêmur” e pelo processo natural de envelhecimento, o idoso tem a tendência a desenvolver osteoporose,  que interfere na cicatrização óssea. “Desta forma, para fortalecer ossos e músculos dos idosos é necessário manter uma boa hidratação e acima de tudo uma alimentação balanceada”, finaliza.

Segundo Vitor Manta, médico, pós-graduado em endocrinologia e que desenvolve um trabalho voltado para a longevidade, um dos componentes principais na alimentação, após os cinqüenta anos é o cálcio, “que pode ser encontrado nos vegetais com o verde mais escuro. As crucíferas, como repolho e couve-flor, por exemplo, não podem faltar no dia a dia dessas pessoas”, explica.

Vítor Manta, médico

Vítor chama atenção, ainda, para as “deficiências hormonais, como a menopausa, que provoca a redução de cálcio nos ossos”, nestes casos ele recomenda uma avaliação com especialista. O mais importante de tudo isso, segundo ele, é lembrar que a longevidade começa com a prevenção, sendo trabalhada desde a infância, antes, até mesmo do nascimento. “O bebê, que ainda está na barriga, vai se beneficiar muito da alimentação saudável da mãe no processo de construção da alimentação saudável dele”, comenta.

Rafael Gonçalves, ortopedista

Faça um comentário
Continue Reading

Publicidade:

Anúncio
Advertisement

politica

BORA, BAHÊA!

PRA CIMA DELES LEÃO

Cajazeiras e Região