Connect with us

A aproximadamente seis meses das eleições para governador, seis candidatos já se colocaram na disputa na Bahia. Os partidos têm até o início de agosto para realizar convenções, quando terminará o prazo de oficialização das candidaturas. Segundo o calendário, os partidos devem realizar as convenções entre os dias 20 de julho e 5 de agosto.

O último dia para registro é 15 de agosto. Até ontem, entre os concorrentes estão o atual governador da Bahia, Rui Costa (PT), que busca reeleição; o ex-prefeito de Salvador João Henrique Carneiro (PRTB); o deputado federal João Gualberto (PSDB); o ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo; João Santana (MDB) e Marcos Mendes (PSOL). Conheça abaixo mais sobre cada um.

>> Nomes até agora na disputa

Rui Costa (PT), governador 

O governador é filiado ao PT desde os anos 1980. O primeiro cargo público dele foi ocupado 20 anos depois da filiação, em 2000, quando foi eleito vereador da capital e reeleito por mais quatro anos. Em 2016, foi candidato a deputado federal, porém não obteve sucesso no pleito. No ano seguinte, na gestão do ex-governador Jaques Wagner (PT) assumiu a Secretaria de Relações Institucionais. Em 2010, foi eleito deputado federal. Dois anos depois, em 2012, assumiu nova secretaria no segundo mandato de Wagner, desta vez a Casa Civil. Em 2014, Rui se elegeu governador da Bahia em primeiro turno.  Em uma rede social, o governador afirmou que no momento, eleição não seria o foco principal. “Minha prioridade é manter o ritmo ‘correria’ e continuar cumprindo compromissos. Avançamos muito, mas ainda há muito a ser feito”, afirmou.

João Gualberto (PSDB), deputado

Deputado federal e atual presidente do PSDB na Bahia, exerceu o primeiro mandato eletivo como prefeito de Mata de São João, no litoral norte, sendo reeleito. Em 2014, foi eleito deputado federal, tornando-se um dos líderes dos chamados ‘cabeças pretas’ – em oposição aos ‘cabeças brancas’ do partido, um grupo que  pressionava para que os tucanos entregassem os cargos que tinham no criticado governo de Michel Temer. “Como também temos pré-candidato à Presidência da República [Geraldo Alckmin, governador de São Paulo], o PSDB teve disposição de lançar meu nome ao governo da Bahia”, afirmou Gualberto.

José Ronaldo (DEM), ex-prefeito de Feira

Foi vereador de Feira de Santana por um mandato, prefeito por dois mandatos consecutivos, durante os anos de 2001 e 2008. Zé Ronaldo foi eleito novamente em 2012, reeleito em 2016 e exerceu o mandato até o último sábado, quando renunciou ao cargo para se candidatar ao governo da Bahia. Ele também ocupou os cargos de deputado estadual e federal.  “A partir de hoje começamos a desenvolver um trabalho intenso de visitar todo o Estado, construindo e apresentando propostas junto com os demais parceiros”, disse, no último sábado, durante anúncio da renúncia.

João Henrique (PRTB), ex-prefeito

Ex-prefeito de Salvador por dois mandatos, João Henrique também esteve na Câmara Municipal da capital baiana por cerca de seis anos, quando interrompeu o segundo mandato, foi eleito deputado estadual e reeleito nos dois pleitos seguintes. Na Câmara, ele foi autor do projeto de lei dos Conselhos Tutelares de Salvador e também recebeu o título de ‘Melhor Vereador do Ano’ durante quatro anos consecutivos. Como deputado estadual, foi premiado como ‘Destaque Parlamentar’, em 1998. Em 2004, foi eleito prefeito de Salvador no primeiro turno; na eleição seguinte, mesmo com popularidade baixa, foi reeleito. Em 2016, João Henrique se candidatou a vereador da cidade, porém sem sucesso.

Marcos Mendes (Psol)

Candidatou-se a deputado federal em 2006. Nas eleições de 2008 e 2012 foi candidato a vereador de Salvador, e, também em 2010 e 2014, disputou o cargo de governador da Bahia. Ele é formado em geologia pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), especialista em meio ambiente, pós-graduado em gestão pública municipal e Governamental, mestre em geologia ambiental. A vida pública de Mendes começou quando ele era estudante e militante do movimento de classe. “Pretendo apresentar uma verdadeira via alternativa para os baianos”, declarou o político durante o 6º Congresso Estadual do SOL-BA, que definiu o nome dele como pré-candidato do partido.

 

João Santana (MDB)

João Santana é ex-ministro da Integração e atual presidente estadual do MBD na Bahia. Ele também já foi chefe de manutenção geral do Complexo Hidroelétrico da Central do Funil; superintendente do INSS na Bahia; presidente da Companhia de Habitação do Estado da Bahia (Urbis) e da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Santana também presidiu a seção baiana da Fundação Ulysses Guimarães, do MDB. Em Salvador, foi secretário municipal de Serviços Públicos. João Santana é formado em engenharia elétrica pela Escola de Eletromecânica da Bahia. “O MDB é um partido cuja tradição é participar dos processos eleitorais do País, com importância política na história do Brasil, quando encabeçou a luta contra a ditadura. Temos presença marcante   no estado da Bahia e somos a maior estrutura política do Brasil”, disse.

informações do Correio

Faça um comentário

O maior Portal de Notícias e Entretenimento de Cajazeiras e região. O que você gostaria de saber "A gente mostra todo mundo vê"

POLÍTICA

Geraldo Júnior divulga cronograma para convocação dos concursados

Published

on

A Câmara Municipal de Salvador vai convocar, ainda este ano, 32 aprovados no concurso realizado em fevereiro de 2018. Em abril, serão nomeados 11 novos servidores. O anúncio foi feito pelo presidente Geraldo Júnior (SD) em reunião com a Comissão dos Aprovados do Concurso da CMS, na manhã desta quinta-feira (14), no Salão Nobre da Casa. Também participaram do encontro o vereador Marcos Mendes (PSOL), o diretor administrativo André Ferraz, a controladora Karolyne Mendes Queiroz, o subprocurador Marcus Vinícius Gonçalves e o assessor da Diretoria Administrativa (Dirad), Paulo César Fhael.

O cronograma apresentado pelo presidente prevê, ainda, a convocação de quatro aprovados em junho e outros 17 em novembro. “Só podemos fazer o que a lei permite. Essa convocação está dentro do que permite nossa dotação orçamentária”, afirmou Geraldo Júnior.

Orçamento

A apresentação da lista dos convocados ficou a cargo de André Ferraz. Para a convocação de abril o diretor prevê que sejam chamados cinco assistentes legislativos e seis analistas das seguintes áreas: Cerimonial (1), Gabinete da Presidência – Centro de Cultura (1), Gestão de Pessoas (1), Taquigrafia (1) e Área Legislativa (2).
Para junho, está prevista a nomeação de dois analistas de tramitação, um analista de taquigrafia e um arquiteto. Em novembro será publicada a convocação de 11 assistentes legislativos e seis analistas nas áreas de Gestão de Pessoas (2), Licitação, Contratos e Convênios (1), Tramitação (1), Assistente Social (1) e analista de TI (1).

“Temos a intenção de chamar os outros 28 aprovados em 2020, mas dependemos da definição do orçamento deste ano para poder garantir essa convocação”, afirmou André Ferraz. O concurso da Câmara abriu 60 vagas, sendo 26  para cargos de nível médio e 34 para nível superior.
“Ficamos felizes que já houve um avanço, mas gostaríamos de adiantar a convocação de novembro para junho. É um pedido que a comissão faz à presidência”, disse a representante da comissão dos aprovados, Marcela Souza.

Fonte da notícia: Diretoria de Comunicação

Faça um comentário
Continue Reading

POLÍTICA

Vereador Luiz Carlos é vítima de estelionatários; Veja o vídeo

Published

on

O vereador Luiz Carlos (PRB-BA) está sendo vítima de um estelionatário, que está usando o nome do vereador para tentar vender carros, motos e outros veículos em nome do parlamentar, através do site compras e vendas pela internet, OLX, situação que está acontecendo desde o mês de agosto de 2018.

O edil tomou conhecimento do golpe quando possíveis compradores entraram em contato com o gabinete do vereador, para confirmar a suposta oferta.

O vereador Luiz Carlos já prestou queixa outras vezes, e mais uma vez, na tarde ontem (20), registrou novo Boletim de Ocorrência na 7ª Delegacia Circunscricional de Polícia Civil, no bairro do Rio Vermelho, e alertou as autoridades cobrando providência para que haja punição dos culpados que comentem esse crime.

“Eu não estou vendendo nenhum produto. Estão usando falsamente o meu nome para vender produtos/bens que não existem. Trata-se de um golpe e alerto a todos para que mais ninguém mais seja enganado”, declarou o edil.

Faça um comentário
Continue Reading

POLÍTICA

Aumento da tarifa de ônibus na mira da Comissão de Transporte

Published

on

Em reunião na tarde de terça-feira (12), na sala Antônio Lima, a Comissão de Transporte definiu a primeiras atuações do ano. Conforme a pauta, o colegiado pretende apresentar requerimentos exigindo a verificação da planilha de custos do setor, junto à Secretaria de Mobilidade (Semob), além de solicitar o estudo de viabilidade técnica que justifique o aumento da tarifa dos ônibus municipais.

Durante a apresentação de pautas, o vereador Kiki Bispo (PTB) sugeriu cobrar posicionamento da ViaBahia sobre a falta de ações estruturais na BR-324, trecho da capital. O vereador Sabá (PV) lembrou da necessidade de implantação do Ônibus Social para atender as camadas mais carentes. Já o vereador Joceval Rodrigues (PPS) chamou a atenção de a Câmara precisar ser informada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) diante de intervenções realizadas na cidade, a exemplo de desapropriações em áreas com obras relacionadas à mobilidade.

“Foi uma reunião com propostas e discussões sobre os interesses da mobilidade urbana de Salvador”, destacou Hélio Ferreira (PCdoB), presidente da Comissão.
Os vereadores Toinho Carolino (Podemos) e Alexandre Aleluia (DEM) também participaram da reunião.

Faça um comentário
Continue Reading

Cajazeiras e Região