Connect with us

ESPORTE

‘Uma das mais importantes da carreira’, diz Aldo após vitória no UFC

Após vencer o norte-americano Jeremy Stephens por nocaute na noite do último sábado (28), o lutador brasileiro José Aldo voltou a respirar aliviado no UFC. O duelo foi disputado no UFC Calgary, no Canadá e encerrou um jejum de dois anos sem triunfos do ex-campeão peso-pena.

Durante entrevista coletiva após a luta, Aldo considerou a vitória uma das mais importantes da carreira. “Estava todo mundo querendo saber como eu iria me portar. Mostrei meu valor, mostrei daquilo que sou capaz. Era uma pressão grande, e eu sabia que tudo dependia de mim”, afirmou.

Com um soco na linha da cintura ainda no primeiro round, José Aldo aproveitou a queda do adversário e foi para cima para finalizar a luta com uma sequência de socos. Em seguida, o árbitro finalizou a luta por nocaute técnico.

“Vim de duas derrotas, tinha perdido o cinturão, logo em seguida tive a revanche e não fui feliz. Estava me sentindo pressionado. Graças a Deus tenho uma equipe maravilhosa, que me dá o suporte necessário para eu voltar e vencer. Fiquei bem feliz pelo apoio e pelo carinho que recebi dos meus amigos de treino”, disse.

No ano passado, Aldo perdeu para Max Holloway em disputa pelo cinturão e antes disso, em 2015, sofreu uma dura derrota ao perder para Conor McGregor em poucos segundos no octógono.

Faça um comentário

O maior Portal de Notícias e Entretenimento de Cajazeiras e região. O que você gostaria de saber "A gente mostra todo mundo vê"

ESPORTE

Brasil tem dois gols anulados pelo VAR, ouve vaias e só empata com Venezuela

Com este resultado, o Grupo A se iguala aos locais como líderes, ao lado de Peru e Venezuela, com dois pontos. Brasil e Venezuela empataram em 0 a 0 na terça-feira na Arena Fonte Nova em Salvador, deixando o Grupo A sem conhecer nenhum time qualificado para a próxima fase da CONMEBOL Copa América Brasil 2019.

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Foi um jogo muito disputado para ambas as seleções. Por um lado, a equipe de Tite, que procurou do início ao fim para vencer o pórtico do venezuelano Wuilker Fariñez, mas se viu com três gols anulados por decisão do VAR.

Por outro lado, a Venezuela conseguiu resistir aos ataques constantes da Canarinha e responderam ao contra-ataque, algo que gerou algumas boas situações para o arqueiro Allison Becker.

Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O empate sem gols entre Brasil e Venezuela deixa o Grupo CONMEBOL A Copa América Brasil 2019 com dois líderes, Brasil e Peru com 4 pontos, Venezuela com 2 pontos na terceira colocação e Bolívia sem pontos.

Estadísticas

  • O Brasil jogou três partidas em casa contra a Venezuela pela Copa América; A Verdeamarela venceu por 6-0 em 1975, por 3-1 em 1989 e empatou 0-0 hoje.
  • O Brasil mantém uma invencibilidade de 16 jogos em casa na Copa América, com nove vitórias e sete empates.
  • Pela primeira vez na história, a Venezuela não perdeu para o anfitrião de uma Copa América
Faça um comentário
Continue Reading

ESPORTE

Conmebol rebate críticas sobre gramado da Fonte Nova

Foto: Jorge R Jorge/BP Filmes

O Comitê Organizador Local da Conmebol rebateu as críticas feitas pelos treinadores de Argentina e Colômbia ao gramado da Arena Fonte Nova, onde as seleções se enfrentaram no último sábado – os colombianos venceram por 2 a 0. O estádio baiano será palco da segunda partida da Seleção Brasileira no torneio, contra a Venezuela, nesta terça-feira.

– O Comitê Organizador Local da Conmebol Copa América Brasil 2019 reforça que o gramado da Arena Fonte Nova está em excelentes condições, atendendo todos os requisitos como altura do corte, tração, umidade, compactação e resistência – afirmou, em nota, o COL.

Após a partida, os treinadores se manifestaram sobre o assunto, e o argentino Lionel Scaloni foi enfático ao dizer que é “lamentável” o estado do gramado, chegando a fazer um alerta para os próximos quatro jogos. Carlos Queiroz, da Colômbia, foi mais contido.

– Não quero comentar. Se há muito tempo para preparar uma Copa América, o que vamos fazer agora? Chorar? Os dirigentes têm de pensar nisso – disse o treinador português.

Já o colombiano James Rodriguez reforçou as críticas feitas ao piso da arena baiana.

– Estava um pouco ruim, e para uma Copa deveria estar melhor – opinou o meia.

Confira abaixo a nota completa enviada pelo COL:

“O Comitê Organizador Local da Conmebol Copa América Brasil 2019 reforça que o gramado da Arena Fonte Nova está em excelentes condições, atendendo todos os requisitos como altura do corte, tração, umidade, compactação e resistência – afirmou, em nota, o COL.

No período que antecedeu o torneio, visitas e inspeções rotineiras foram realizadas de acordo com o planejamento estabelecido pelo Comitê Organizador Local. Com relação às atividades de manutenção do gramado, todas estão sendo feitas de forma programada e organizadas para receber os cinco jogos da competição. Vale ressaltar, também, que durante todo o jogo entre as seleções da Argentina e Colômbia, a bola rolou sem nenhuma dificuldade e o gramado não estava escorregadio”.

informações do GE

Faça um comentário
Continue Reading

ESPORTE

Gramado da Fonte Nova é criticado por técnicos de Argentina e Colômbia

Na terça-feira, a seleção brasileira vai enfrentar a Venezuela, às 21h30, em Salvador, pela segunda rodada do Grupo A da Copa América. E pelo jeito vai encontrar um gramado em condições ruins na Fonte Nova. O estado do local, aliás, foi criticado pelos técnicos de Argentina e Colômbia.

As duas seleções se enfrentaram na Fonte Nova no último sábado, em jogo do Grupo B do torneio. E os colombianos levaram a melhor, vencendo os argentinos por 2 a 0.

Lionel Scaloni, técnico da Argentina, criticou o gramado logo de cara:

– Primeiro, gostaria de fazer um comentário: é lamentável o estado do campo, principalmente depois do segundo tempo. Imaginem na segunda e terceira partida que tivermos aqui… Deixou muito a desejar para ter uma boa partida de futebol – afirmou.

O português Carlos Queiroz, técnico da Colômbia, também falou do estado do gramado da Fonte Nova, mas não foi tão direto quanto o argentino.

– Não quero comentar. Se há muito tempo para preparar uma Copa América, o que vamos fazer agora? Chorar? Os dirigentes têm de pensar nisso – disse o treinador.

James Rodríguez, craque colombiano, foi outro que comentou sobre a condição do gramado.

– Estava um pouco ruim, e para uma Copa deveria estar melhor – opinou.

As seleções de Argentina e Colômbia não fizeram o reconhecimento de gramado da Fonte Nova, um dia antes da partida, sob a justificativa do Comitê Organizador Local de que era para preservar o gramado por conta das chuvas que atingiram Salvador nos últimos dias.

Confira abaixo a nota enviada pelo COL:

“O Comitê Organizador Local da Conmebol Copa América Brasil 2019 reforça que o gramado da Arena Fonte Nova está em excelentes condições, atendendo todos os requisitos como altura do corte, tração, umidade, compactação e resistência – afirmou, em nota, o COL.

No período que antecedeu o torneio, visitas e inspeções rotineiras foram realizadas de acordo com o planejamento estabelecido pelo Comitê Organizador Local. Com relação às atividades de manutenção do gramado, todas estão sendo feitas de forma programada e organizadas para receber os cinco jogos da competição. Vale ressaltar, também, que durante todo o jogo entre as seleções da Argentina e Colômbia, a bola rolou sem nenhuma dificuldade e o gramado não estava escorregadio”.

Faça um comentário
Continue Reading

Publicidade:

Anúncio
Advertisement

politica

BORA, BAHÊA!

PRA CIMA DELES LEÃO

Cajazeiras e Região