MOBILIDADE 

CCR Metrô Bahia informa ter plano de contingência para apagões

Após o apagão da quarta-feira, 21, muitos transtornos foram causados aos moradores de Salvador por causa dos problemas relacionados ao transporte público, principalmente com o não funcionamento das estações do metrô.

Na manhã desta quinta, 22, o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Fábio Mota, informou que a prefeitura já possuía um plano de contingência para a paralisação do serviço, mas que o blecaute afetou a movimentação dos ônibus por toda a cidade.

Por meio de nota, a CCR Metrô Bahia, empresa que gerencia as estações na capital baiana, comunicou ao Portal A TARDE que eles possuem um plano voltado para situações de apagão e para todas as situações que possam comprometer a operação do sistema metroviário de Salvador e Lauro de Freitas.

De acordo com a CCR, a primeira ação a ser tomada é entrar em contato com a concessionária de energia elétrica para o conhecimento da dimensão do problema. Em seguida, eles mobilizam a equipe para informar a todos, não operar os vagões e fechar as estações.

A empresa também comunicou que não é possível a utilização de geradores em caso de blecaute. “Como a potência de energia elétrica para tração de todos os trens do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas é extremamente elevada, não é possível suprir tal consumo através de um gerador de energia elétrica”.

A CCR disse ainda que possui três subestações que atendem a operação do sistema, alimentado por linhas distintas de energia. A empresa informou também que, como a interrupção do fornecimento de energia afetou todas as linhas de transmissão, foi necessário parar o funcionamento do metrô.

Faça um comentário

VOCÊ VAI GOSTAR...

Leave a Comment