Connect with us

EDUCAÇÃO

Curso da Prefeitura para o Enem termina em novembro

Published

on

Acesso a laboratório, biblioteca, material didático, salas climatizadas, professores qualificados, simulados e ambiente virtual são alguns dos benefícios que os 365 estudantes participantes do programa IngreSSar estão tendo, desde que começaram a ter aula em dois cursos preparatórios de qualidade, em julho. A estrutura está permitindo melhor preparo para a realização do Exame Nacional do Ensino Médio, a ser aplicado em novembro.

Para Gibson Lima, de 21 anos, que sonha em fazer bacharelado em História, a oportunidade de cursar o Pré-Enem tem sido um divisor de águas em sua trajetória de estudante. “Eu vi nesse programa a oportunidade de conseguir uma boa nota no Enem e de entrar no Ensino Superior. Eu já tinha feito o exame outras duas vezes e não tinha obtido êxito, mas esse ano acredito que terei um bom resultado. Na escola pública deixamos de ver muitos assuntos que aqui são abordados muito bem. É um ótimo projeto que está abrindo portas”.

Ao lado dele, Paulo Monteiro, de 19, dedica tempo e esforço para aproveitar ao máximo o conteúdo do cursinho. A rotina dele se inicia às 7h com as aulas do preparatório e só termina às 18h, quando a monitoria disponibilizada no contraturno chega ao fim. O adolescente tem dedicado até mesmo alguns fins de semana para a realização de simulados. “A oportunidade é ótima porque eu não tive um bom Ensino Médio na escola pública e aqui estou tendo bom desempenho, nova forma de estudar e estou ganhando força para alcançar o meu objetivo na prova, uma média suficiente para ingressar na graduação de matemática”, diz.

O Ingressar, programa concebido pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), promove o acesso gratuito de alunos de baixa-renda, e que concluíram o Ensino Médio, a cursos preparatórios para o Enem conveniados. Atualmente, os cursos conveniados são o Pré-Enem e Os Aprovados, ambos localizados na Avenida Antônio Carlos Magalhães. Por meio do programa, os estudantes contam com uma preparação que custa, em média, R$ 3 mil para os demais alunos.

“Estamos muito satisfeitos. Tivemos um bom resultado com a iniciativa. Não só os cursinhos credenciados elogiam a participação dos alunos do Ingressar, como os alunos que aderiram enviam e-mail para agradecer e falar bem do programa e do conteúdo”, conta a titular da SPMJ, Cristina Argiles. Para o próximo ano, ela prevê uma mudança: o ingresso de estudantes que estão cursando o 3º ano do Ensino Médio. “Esse ano foi só para quem já havia concluído, mas no próximo abriremos o leque para aqueles que estão cursando o último ano da Educação Básica, para que também tenham acesso ao conteúdo de maneira complementar”, afirma.

Ingressar – Para ter acesso ao curso preparatório por meio do programa da SPMJ, os alunos cumpriram alguns critérios, como ser egresso de escola pública ou ter tido bolsa integral em escola da rede particular, ser integrante de famílias cadastradas no Programa Bolsa Família e morar em Salvador. A SPMJ destinou 5% das 400 vagas ofertadas para pessoas com deficiência, 30% para negros e 5% para jovens da Fundação Cidade-Mãe.

Preparatório – O conteúdo das aulas envolve todas as disciplinas exigidas no Enem, passando pelas áreas de conhecimento de Linguagens, Códigos, Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Matemática. São cinco horas de aula de estudo por dia, além da carga horária opcional de monitoria. Até o fim dessa temporada de estudos do Ingressar, prevista para encerrar no dia 9 de novembro, os alunos terão 320 horas de aula com professores altamente qualificados

O Enem é hoje a principal porta de entrada para universidades públicas e particulares (esta última opção por meio de programas de bolsas). Este ano, o exame nacional deverá ocorrer nos dias 4 e 11 de novembro. As inscrições ocorreram entre os dias 7 e 18 de maio desse ano.

Faça um comentário

O maior Portal de Notícias e Entretenimento de Cajazeiras e região. O que você gostaria de saber "A gente mostra todo mundo vê"

EDUCAÇÃO

Matrículas para Educação de Jovens e Adultos seguem abertas em Salvador

Published

on

Para quem deseja ingressar na Educação de Jovens e Adultos (EJA) em Salvador, uma boa notícia: ainda há 3,5 mil vagas em aberto para o ano letivo de 2019. Para saber se há vaga na escola de interesse, basta ligar para a Central de Matrícula da Secretaria Municipal da Educação (Smed), no telefone (71) 3202-3102. Pela central também podem ser solucionadas dúvidas e obter mais esclarecimentos sobre o procedimento de ingresso na rede municipal de ensino.

A matrícula só pode ser realizada presencialmente na unidade de interesse. A documentação exigida é a carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e histórico escolar. A diretora pedagógica, Nilce Gama, reforça que a Smed matricula durante todo ano, mesmo com as aulas em andamento. “Aqueles que não tiverem o histórico escolar não ficam impossibilitados de estudar. Devem procurar o colégio assim mesmo, com o restante da documentação. A única diferença é que precisaremos fazer uma avaliação para identificar se o estudante se encaixa nas turmas de EJA I ou EJA II”, explica Nilce.

As aulas para 17.394 mil estudantes da EJA I – Tempo de Aprendizagem (TAP) I, II e III e EJA II – TAP IV e V tiveram início, na última quarta-feira (6), no mesmo dia em que aconteceu a aula inaugural 2019 para toda rede municipal de ensino. Em 2019, 119 escolas municipais ofertam as aulas noturnas para o EJA I – TAP I, II e III, que fazem a equivalência do 1º ao 5 º ano. Já as aulas do EJA II – TAP IV e V, que vai do 6º ao 9º ano, são oferecidas em 87 colégios da rede.

Faça um comentário
Continue Reading

EDUCAÇÃO

Prazo para recadastramento de beneficiários do Primeiro Passo vai até 13/02

Published

on

A Prefeitura está realizando o recadastramento dos beneficiários do programa Primeiro Passo – auxílio financeiro de R$50 mensais às famílias com crianças em idade de creche e pré-escola (do nascimento aos cinco anos) que não estejam matriculadas nas unidades de ensino públicas ou conveniadas. As famílias devem procurar uma das Prefeituras-Bairro até o dia 13 de fevereiro para realizar a atualização do cadastro.

Um dos objetivos do recadastramento é obter dados detalhados de demanda de vagas para a implementação do Programa Pé na Escola, que tem como público prioritário, em 2019, os beneficiários do Primeiro Passo que tenham entre 2 a 5 anos, completos até 31 de março do ano corrente. Através de convênio com a Prefeitura, o Pé na Escola ofertará vagas da Educação Infantil em escolas particulares, localizadas em regiões com maior demanda de vagas para esse segmento.

Para o recadastramento, as famílias devem comparecer à Prefeitura Bairro mais próxima de sua residência, levando o documento de identificação original e dos seus dependentes de até 5 anos de idade, além de um comprovante de residência, de preferência da Coelba ou da Embasa, das 8h às 18h.

O recadastramento teve início na segunda-feira (4) e se estenderá até o dia 13 de fevereiro. Após a atualização do cadastro, as famílias que ainda não realizaram inscrição para uma vaga ou não estão com suas crianças matriculadas em uma instituição de ensino pública ou privada, serão orientadas a buscarem uma Escola da Rede Municipal de Ensino mais próxima de sua residência, para realizar a inscrição pleiteando uma vaga

Faça um comentário
Continue Reading

CAJAZEIRAS E REGIÃO

Prefeituras-Bairro Cajazeiras realiza inscrições para programa Primeiro Passo

Published

on

Os interessados em receber o benefício dado através do programa Primeiro Passo – auxílio financeiro de R$50 mensais às famílias com crianças em idade de creche e pré-escola (do nascimento aos cinco anos), beneficiárias do programa Bolsa Família que não estejam matriculadas nas unidades de ensino públicas ou conveniadas – já podem procurar as Prefeituras-Bairro para realizar as inscrições.

Neste ano, o serviço foi retomado na segunda-feira (4). Desta forma, as Prefeituras-Bairro do Centro/Brotas; Subúrbio/Ilhas; Cajazeiras; Itapuã; Cidade Baixa; Cabula; Pau da Lima; Barra / Pituba; Liberdade/São Caetano; além das escolas municipais Professor Milton Santos, em Valéria, Antônio Carlos Magalhães, localizada em São Caetano, e Osvaldo Cruz, no Rio Vermelho já estão disponíveis para o serviço.

Como fazer – Para participar, as famílias devem seguir quatro passos simples: realizar o agendamento da inscrição, que funciona de segunda a sexta-feira, pelo Disque Salvador 156, das 8h às 18h. O agendamento também pode ser feito presencialmente, em um dos postos de atendimento, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Ou, se preferir, pode agendar pelo site primeiropasso. salvador. ba. gov. br.

Após essa primeira etapa, o interessado deve se dirigir ao posto de atendimento no local, data e turno agendados para fazer sua inscrição. A família deve levar o documento de identificação original e dos seus dependentes de até 5 anos de idade, além de um comprovante de residência, de preferência da Coelba ou da Embasa.

O interessado deve aguardar até ser informado sobre a liberação do benefício. Para continuar recebendo o auxílio, a família deverá participar das ações de saúde, educação e ação social realizadas nas escolas da Prefeitura. Se faltar ao encontro, seu benefício será bloqueado. Há limite de três crianças por família, podendo ultrapassar este limite somente no caso de gêmeos.

Não se encaixam nos critérios de recebimento do benefício crianças matriculadas em creches e pré-escolas da rede pública ou conveniada com a Prefeitura; crianças que morem em locais onde há vagas em creches e pré-escolas públicas ou conveniadas disponíveis; pais ou responsáveis que já recebam dos seus empregos o auxílio-creche; pais ou responsáveis que retirarem as crianças já matriculadas nas creches ou pré-escolas públicas ou conveniadas. Crianças que fizerem 6 anos entre 1º de janeiro e 31 de março do ano do pagamento do benefício também não são elegíveis.

 

Faça um comentário
Continue Reading

publicidade

Advertisement

politica

segurança

BORA, BAHÊA!

PRA CIMA DELES LEÃO

Cajazeiras e Região